O materialismo dialético: concepção do mundo do partido marxista-leninista (V. P. Tchertkov)

“Todo idealismo, quer forneça um quadro do mundo à base de forças do outro mundo, sobrenaturais, ou considere a consciência humana como o primado, leva inevitavelmente à religião, ao clericalismo. Não é casual, portanto, que o próprio idealista Hegel tenha falado da “razão universal” como ideia do “portador do mundo”, isto é, de Deus, e os machistas [Ernst Mach] tenham de fato, representado o papel de lacaios do obscurantismo clerical. Todos os idealistas apelam, de uma maneira ou de outra, para a religião. Nisto reside a essência reacionária, hostil à ciência, da concepção idealista do mundo.

As concepções abertamente religiosas, que pretendem igualmente assumir o papel de concepção de mundo, são também, por certo, idealistas. A concepção religiosa do mundo, que deturpa o quadro real do mundo, é totalmente reacionária. Tanto a religião como o idealismo servem à burguesia como instrumento de escravização espiritual dos trabalhadores.

A religião afirma que os diversos fenômenos da natureza e da sociedade são únicos porque todos eles são “criados por Deus” e devem a Deus toda a sua existência. Entretanto, essa “unidade” interpretada pelos teólogos é fictícia, fantástica. Como demonstra a ciência e a atividade prática diária dos homens, os objetos e fenômenos da realidade existem independentemente de forças de outro mundo, quaisquer que sejam. Ao afirmar que o mundo foi criado por uma força superior, a concepção religiosa do mundo não vê a ligação que realmente existe entre os diferentes fenômenos da natureza, que se condicionam mutuamente e dão origem um ao outro.

A concepção única do mundo deve ser buscada não na imposição artificial das leis inerentes a certos fenômenos, a fenômenos inteiramente diferentes, nem numa “unidade” imaginária, fantástica, divina ou em qualquer outra “unidade” sobrenatural, mas na unidade real entre as próprias coisas e fenômenos da natureza viva e inanimada.” V. P. Tchertkov

TCHERTKOV, V. P. Materialismo dialético. Org. Academia de Ciências da URSS. Rio de Janeiro: Editora Vitória, 1955, p. 13.

Artigo: O materialismo dialético: concepção do mundo do partido marxista-leninista

ARTIGO COMPLETO: https://is.gd/z8bHl

O MATERIALISMO DIALÉTICO: CONCEPÇÃO DO MUNDO DO PARTIDO MARXISTA-LENINISTA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close